Gouinage

O que é?

Gouinage (do francês, “lesbianismo”): é a pratica sexual onde não existe a penetração. Entretanto, a definição ganhou amplo significado, deixando de ser aplicada apenas ao sexo lésbico. Existe sexo sem penetração. Na França, a gouinage é discutida como uma nova tendência e ainda é assunto recente no Brasil, embora a prática exista desde sempre, apenas ganhando uma nova nomenclatura agora.

A falta de informação sobre o assunto ainda é um inconveniente para o entendimento do seu significado. Alguns descrevem comparando a gouinage ao “sexo tântrico”, mas ao contrário do sexo tântrico, na gouinage não se necessita de técnicas para aumentar o prazer: precisa-se apenas de criatividade, focando maior prazer.

Outros a descrevem erroneamente como “sexo preliminar”, que consiste em promover a excitação do parceiro através de carícias, masturbação e sexo oral, mas isso daria à gouinage uma idéia de sexo incompleto. quando na verdade. não é.

A vantagem

Pare para pensar: quantas vezes você já se envolveu emocionalmente com alguém e se decepcionou porque, sexualmente, curtiam a mesma posição? Como na gouinage não existem ativos nem passivos, ambos possuem a mesma vantagem sexual, ou seja, não há um indivíduo dominador ou submisso.

Os dois possuem a mesma responsabilidade, que é exclusivamente dar prazer. Como não há penetração, não há também tensão, dor ou desconforto. Assim, se utiliza todo o ato sexual para a exploração dos sentidos: o olhar, o toque, o cheiro, o gosto. Isso permite levar o prazer a um nível bem mais elevado.

Assim como existem ativos, passivos e versáteis, os chamados “gouines” são uma outra alternativa para o sexo, já que a gouinage compreende todos os ingredientes para se alcançar o orgasmo: estudar o corpo do parceiro, excitar, sentir e proporcionar prazer. Ou seja, de sexo incompleto, não tem nada.

A polêmica

Nos poucos lugares do mundo onde o tema já está sendo discutido, a polêmica é inevitável. Os que são contra, consideram até mesmo que a prática é uma negação do sexo gay, e afirmam que para ser considerado sexo é indispensável que haja penetração. Do outro lado estão aqueles que descobriram na gouinage o prazer ideal, distante das tensões e desconforto causados pela penetração.

Descobrir como seu corpo funciona e o que te dá prazer é essencial. Não deve-se ter vergonha por não gostar de penetração, seja como ativo ou passivo. A vida sexual tem beleza na sua grande diversidade de formas de se obter prazer. Como muitas coisas exóticas e absurda no mundo do sexo, ser gounie é algo absurdamente, normal.

Anúncios

Sobre The Serious

Capricorniano nato, organizado e extremamente perfeccionista. Idealizador, que quer conhecer o mundo todo. Turismólogo por formação. Brasileiro e orgulhoso disso! Ama bife de picanha com arroz, feijão, farofa e batata frita e não abre mão de uma boa dose de Absolut, seja com coca, com suco, com gelo. Leitor ávido de todos os tipos de livro. Ouve todo tipo de música, de Cher à Victor e Léo. Adora uniformes e ternos. Viciado em viagens. Postagens às quartas.

Publicado em outubro 6, 2011, em Geral, The Serious. Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: